Google+ Followers

quarta-feira, 23 de março de 2011

BAIANO OU PERNAMBUCANO?



BAIANO OU PERNAMBUCANO?
De: Ysolda Cabral





Há pouco menos de um ano tive a grata satisfação de conhecer um novo colega de trabalho. Garoto bonito, simpático, inteligente, educado, disposto que “benza-deus”!

Gostei dele de cara e logo percebi que a empresa havia feito uma boa contratação.

Quando ele me falou que era da Bahia, aí foi que gostei dele de verdade, pois amo o referido estado de todo o meu coração.

Entretanto, algumas de suas características me deixam reticente com relação à sua naturalidade...

Como entender um “baianinho” ser tão “disposto”, tão ligeiro; falar “pernambuquêz”, não gostar de carnaval e ainda por cima evangélico?!

Passei a lhe observar com mais atenção...

- Ah! Se passei...

Logo cheguei à conclusão que, apesar da belíssima cor de sua pele e da curiosidade meio “espaçosa” - no melhor dos sentidos - estou certa que ele diz ser da Bahia só pra me agradar. (Rsrs)

Coisas de quem tem bom coração...

Ou, então: há genérico de baiano? Hahahahaha

**********

Publicado no Recanto das Letras em 22/03/2011
Código do texto: T2863286