Google+ Followers

segunda-feira, 2 de maio de 2011

SEM PENSAR EM NADA




SEM PENSAR EM NADA

De: Ysolda Cabral








Lindo, mesmo cinzento, você estava.

Não tem jeito, sou mesmo apaixonada!

Nunca tinha lhe visto tão vibrante,

Nem tão nítido na linha do horizonte.



Olhando pra você fiquei apaziguada,

Toda tristeza foi embora como mágica.

Meu coração disparou forte no peito,

Para me lembrar que pra tudo tem um jeito.



Agradecida e emocionada,

Parei de chorar e caí na risada.

Foi assim que me senti revigorada.



E, do cinza que veio de você,

Em comunhão com a manhã chuvosa,

Segui em frente sem pensar em nada.



**********


Publicado no Recanto das Letras em 02/05/2011

Código do texto: T2945177