Google+ Followers

domingo, 10 de abril de 2011

TRAGÉDIA DE REALENGO X MÍDIA


TRAGÉDIA DE REALENGO X MÍDIA

De: Ysolda Cabral


O cursor acintosamente me avisa que o papel A-4, configurado e justificado para receber o texto em Arial dezesseis, com entre linhas um vírgula cinco, está em branco. Olho para ele piscando para mim como quem diz: “Vai, escreve, desabafa...!”


Paro um pouquinho, pedindo ao Senhor Tempo, um minutinho de silêncio, para acalmar a minha alma e o meu coração no final da tarde chuvosa.


Alguém lá fora liga a TV e eu fecho a porta do meu quarto, pois não quero ver ou ouvir a “mídia” continuar a explorar, sem trégua, a violência e as tragédias humanas, inexplicáveis, em busca de maior audiência.


- Já basta!!!


Deixemos os mortos descansarem em paz e oremos para que fatos, igual ao ocorrido recentemente numa das escolas do bairro de Realengo, no Rio de Janeiro, não volte a acontecer em nenhum lugar.


E, para que os que ficaram e/ou escaparam, reencontrem o equilíbrio, a alegria de viver e a fé.


Este é o meu pensamento, o qual, desta forma, exponho em desabafo.

**********

Publicado no Recanto das Letras em 10/04/2011

Código do texto: T2901124