Google+ Followers

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

FORMIGUINHAS NO ESCORREGO



FORMINHAS NO ESCORREGO
De: Ysolda Cabral



Hoje estou muito feliz,
Muitas folhas docinhas eu comi,
Inventei uma nova brincadeira,
De escorregar de bumbum pela ladeira.

Chamei minhas irmãzinhas,
Para comer também as folhinhas,
Brincamos muito no ''escorrego'',
E só depois fomos pro nosso formigueiro.

Quando lá chegamos,
Sujas, cansadas e satisfeitas,
A mamãe formiga estava uma arara,
E o papai formiga dava risada.

Corremos então para o banho,
Ficamos cheirosas e limpinhas,
Depois fomos estudar o bê-a-bá,
Pra mamãe não mais brigar.

À tardinha, por ela autorizadas,
Voltamos para ladeira,
Silenciosas e enfileiradas,
Pra lá no alto esperar a lua cheia.

*****

* Para Ylana
( Na foto com a mãe Yrama, minha sobrinha.)
Publicado no Recanto das Letras em 12/08/2011
Código do texto: T3155281