Google+ Followers

domingo, 28 de março de 2010

O DIA MAIS BONITO


O DIA MAIS BONITO
De: Ysolda Cabral


No dia de domingo podemos:
Acordar tarde, comer bastante;
Andar a beira-mar ou no shopping;
Ir ao cinema, ao teatro...

Ou,

Acordar cedo, ir à missa;
Almoçar com a família;
Dormir a tarde toda;
E a noite ter uma bruta insônia.

Na segunda, amanhecer cansada,
Desnorteada e sem disposição,
Esperando que na terça,
Haja uma significativa modificação.

Então chega a terça;
E no enfado da espera,
Você se desorienta e desespera,
Diante de tanta obrigação.

Na quarta, você visivelmente cansada,
Espera que na quinta aconteça alguma coisa,
Que lhe leve cheia de alegria para um novo dia.

Finalmente outro fim de semana chega,
- Com a sexta - E você repleta de animação,
Faz uma faxina completa,
Porém com todo cuidado e atenção.

Pega o cansaço e o enfado;
A falta de perspectiva e de esperança;
A solidão e a saudade...
Faz um grande pacote,
E joga no lixo sem nenhuma consideração...

Enfim, pronta para o SÁBADO,
O dia mais bonito, mais tranqüilo,
E você repleta de esperança
Sonha e espera... E espera e sonha...

E o que acontece...?!
- O domingo pinta!
Você fica sem tela e sem tinta
E morre na praia da desilusão.

*****


Publicado no Recanto das Letras em 28/03/2010
Código do texto: T2163706