Google+ Followers

sábado, 5 de junho de 2010

UM POUCO D'AGUA


UM POUCO D'AGUA
De: Ysolda Cabral


O Sol acordou hoje de mansinho
Iluminando tudo com seus belos raios
Deixou-me na pele alguns carinhos
Tão nítidos e tão claros!

A tristeza que parecia não ter mais fim
A agonia dos últimos dias que sofri
A saudade de coisas que nunca vivi
Foram embora... Enfim.

Agora, contida e mesmo reticente,
Ainda sentindo um pouco de mágoa,
Respiro aliviada e dou Graças.

E, como se fosse uma flor esquecida
Num jardim qualquer... Abandonada,
Peço a Ele apenas... Um pouco d’agua.

**********

P.S. Ontem fiz dois anos no Recanto das Letras, contabilizando um pouco mais de 65.000 leituras. Para mim isso é muito mais do que mereço. Muito obrigada, do fundo do coração!! :):)

**********
Publicado no Recanto das Letras em 02/06/2010
Código do texto: T2294891