Google+ Followers

domingo, 1 de abril de 2012

RECANTO DAS LETRAS




RECANTO DAS LETRAS
De: Ysolda Cabral



Recanto das Letras
Recanto dos milhares de cantos
Recanto dos mil encantos, planos
Recanto de noites e dias de sonhos
Com ou sem quebrantos

Recanto da alegria, da magia
Da tristeza, da esperança
Da saudade, da igualdade
Na desigualdade do ser
Do ter e do saber estar

Do erotismo, do conformismo
Do faz de conta político
Que por vezes engana
Mas que às vezes desmascara
Vinga e lava a alma do fulano

Recanto de puro sentimento
Recanto de muita emoção
De corações sensíveis ou não
Mas, todos apaixonados pelas letras

Recanto da Gente
Recanto de Gente
Gente que diz o que pensa
O que sente
Compreendida ou não

No Recanto nos expomos
Da forma que queremos
Sermos lidos e bem interpretados
Isso não vem muito ao caso

Ah, Recanto amado!
Você é meu fado, meu destino
Meu vício, meu canto mais bonito
O meu ''Cordel Encantado''.

**********
Publicado no Recanto das Letras em 27/03/2012
Código do texto: T3579041